O Obstáculo Final - John Sherman

Tudo é o Seu Mestre

Na tradição em que Ramana aparece, seja qual for o nome que a ela se dá, fala-se dos invólucros, as camadas que encobrem o Atman. O invólucro final, o obstáculo, o obscurecimento final leva o nome de Anandamaya Kosa, o invólucro da bem-aventurança ou êxtase. Este é o obscurecimento final e, frequentemente, é um ponto de apego.

Esta bem-aventurança é uma experiência: para quem surge esta experiência? A experiência de bem-aventurança que você conhece através da investigação é substituída pela experiência de confusão, quando você se vê diante de algo que não se ajusta totalmente ao que sua mente decidiu, talvez silenciosamente, que é o caso.

Portanto, se o êxtase que você experimenta desaparece e é substituído pela confusão, ele não é o que você está buscando. Se desaparece, não é o que você está procurando. O que você está buscando é o seu ser, que nunca mudou e nunca mudará. Você sabe disso. Ali nada muda: nascimento e morte não existem.

Esta é a beleza do vichara, a auto-investigação. Esta é a sua magnificência. Tudo é o seu mestre. Tudo: todos os pensamentos, todos os sentimentos, todos os momentos de bem-aventurança ou de confusão agora levam você de volta ao seu ser. Basta você inverter a direção de sua atenção e segui-la de volta à fonte. Tudo isso é o guru exterior, que empurra você para o guru interior, que o está atraindo para si. Todo pensamento, toda confusão, todos os erros e enganos, todos os acertos, tudo está indicando: "Ali, ali".

Não estamos aqui pela bem-aventurança. A bem-aventurança, o êxtase são ótimos, mas eles vão e vêm. A bem-aventurança que é você é permanente. A bem-aventurança que é você é aquela na qual a agonia e o êxtase igualmente têm seu lugar.

Tudo depende da sua intenção. Tudo depende do que você quer. Se quiser a experiência de bem-aventurança, isso é fácil. Há muitos gurus perambulando por aí com grande shakti, que lhe darão isso. E se você não encontrar um desses, sempre haverá alguma substância química. Êxtase não é o que você está buscando.

Ao longo de nossas vidas, todos nós tentamos descobrir "Quem sou eu?" Isso é tudo que estamos fazendo nesta vida, nestes corpos: estamos tentando descobrir quem somos. Finalmente, neste encontro com Ramana Maharshi, essa busca se torna consciente. Agora, finalmente, surgiu em sua vida a oportunidade de tornar esta busca que é a sua desde o seu nascimento, em uma busca consciente, direta e sem intermediação.

Quem sou eu? Para quem surge este êxtase? Para quem surge esta confusão?

Quem sou eu? Encontre a si mesmo.

John Sherman

Fonte: http://www.riverganga.org/Translations/tr-the-final-obstacle-port.shtml


0 comentários:

Postar um comentário

Maior é o que está em vós do que o que está no mundo (I João 4:4)